segunda-feira, 28 de outubro de 2013

ATENÇÃO PERNAMBUCO:JUSTIÇA ELEITORAL ALERTA SOBRE GOLPE DA BIOMETRIA



Eleitores recebem telefonemas, emails e até visitas de pessoas que se passam por agentes do TRE-PE para obter dados para o recadastramento biométrico

Eleitores do Recife e dos municípios onde está havendo recadastramento biométrico devem ficar atentos ao “golpe da biometria”. Por meio de telefonemas, emails e até visitas presenciais, golpistas se passam por agentes da Justiça Eleitoral e solicitam dados como o número do CPF, da identidade e até o endereço do eleitor. “Soubemos do golpe porque uma senhora ligou reclamando que ainda não havíamos entrado em contato com ela para fazer a biometria.

Um outro eleitor ligou para se certificar de que era o Tribunal que havia feito a ligação. A partir daí descobrimos que se tratava de golpe”, explica a coordenadora da revisão de cadastro biométrico do Tribunal Regional Eleitoral do Recife (TRE-PE), Raquel Salazar.

Segundo Raquel, o primeiro golpe foi o do email, seguido do telefonema e da visita às casas. Por email, o eleitor é “convocado” a atualizar os dados através de um cadastro. Caso não preencha, o aviso da mensagem alerta que ele pode correr o risco de ter o título cancelado.

“O único email que enviamos ao eleitor é para lembrá-lo sobre a data da biometria. Este email do eleitor nós coletamos na hora em que ele faz o agendamento pelo site”, esclarece a coordenadora.

Já por telefone, os golpistas pedem os números da identidade (RG), do Cadastro de Pessoa Física (CPF) e outras informações. Em alguns casos, até o endereço da residência é solicitado e os falsos agentes podem visitar o eleitor com a justificativa de fazer a revisão.

“Desconfiei quando ligaram pedindo os números do CPF e RG, mas mesmo assim forneci. Só quando pediram meu endereço achei que a ligação era estranha”, disse a comerciante Maria Teresa.

A coordenadora alerta que a Justiça Eleitoral não vai à casa dos eleitores para fazer a revisão, porque são os eleitores que devem comparecer aos postos para fazê-lo. Segundo ela, “o máximo que o tribunal eleitoral pode fazer para se aproximar do eleitor é promover uma ação itinerante, como as que vêm sendo feitas aos sábados em postos de alguns municípios para agilizar o processo da biometria”.

Nos últimos quatro meses, o TRE-PE recebeu 10 reclamações sobre o golpe. Mas, segundo a coordenadoria de cadastro biométrico, a quantidade foi suficiente para preocupar o tribunal. Para evitar os golpes, o TRE-PE tomou a providência de colocar um alerta na página http://www.tre-pe.jus.br/ .

“Quando o golpe começou, há quatro meses, a situação era bem pior, mas agora, depois do aviso no site, tem diminuído as reclamações”, frisa Raquel.

O eleitor que for vítima do golpe deve procurar a polícia e fazer um Boletim de Ocorrência (BO). O TRE-PE frisa que não autoriza agentes ir à casa dos eleitores, não faz o recadastramento biométrico por meio de telefone ou email nem autoriza nenhuma outra instituição ou parceiro a fazê-lo em seu nome.

POSTOS DE RECADASTRAMENTO

10 postos fazem o atendimento no Recife:

- Juizado Especial da Imbiribeira;
- CAEC, na Praça das Cinco Pontas, 241- São José;
- Central de Areias, na Av. Dr. José Rufino, 1643, sala 11
- Areias;
- Central do Fundão, na Rua Cel. Urbano Ribeiro de Sena, 76
- Fundão;
- Posto da UFPE, no Teatro da Universidade Federal, na Cidade Universitária;
- Fórum Rodolfo Aureliano, na Joana Bezerra;
- Expresso Cidadão do Shopping Rio Mar, na Av. República do Líbano - Pina;
- Posto do TRE Rui Barbosa, na av. Rui Barbosa, 320 - Graças;
- Posto do TRT, no Cais do Apolo;
- Posto da Câmara dos Vereadores, na rua Princesa Isabel.

*Nos municípios do interior o funcionamento é no próprio cartório.

*O atendimento é feito por agendamento, por meio da internet ou telefone, visando proporcionar maior conforto ao eleitor.

domingo, 20 de outubro de 2013

CÃES E GATOS DEVEM OU NÃO COMER COMIDA CASEIRA?

Livros de receita gourmet e comida congelada são tendência em outros estados. Veterinários, no entanto, recomendam ração.

Marie é alérgica a trigo, soja, cenoura e grama e precisa se alimentar de arroz integral e carnes preparadas diariamente. Foto: Bruna Monteiro/Esp.DP/D.A Press


Mariana Fabrício - Diario de Pernambuco

Um dos assuntos que mais causam dúvidas entre o tutores é a alimentação dos pets. Uma das maiores proibições ou recomendações contrárias dos veterinários é fornecer alimentos caseiros para cães e gatos, mas estados como Rio de Janeiro e São Paulo é tendência chefes de cozinha se juntarem a veterinários e nutricionistas para elaborar pratos gourmet ou receitas caseiras que serão servidas aos cães. Mesmo sendo bastante discutida, as consequências de dividir o que se gosta de comer com o animal não é questão unânime entre especialistas.

Grande parte das receitas vem do livro Cão Gourmet: Receitas caseiras e saudáveis para seu cão, escrito por Myrian Abicair. Algumas empresas que produzem comida congeladas também surgiram com o mesmo fim. Os pratos mais famosos são almondegas, panetone e risoto vegetariano. Os ingredientes são diversos, mas a promessa é a mesma: oferecer comida saudável como petisco ou complemento alimentar. Cada prato é comercializado por preços em torno de R$20,00 e a apresentação é item essencial.

De acordo com veterinário e professor da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) Marcelo Teixeira, a comida humana não deve substituir a ração, já que esta contém aquilo que o organismo do animal precisa absorver. "As necessidades entre animais e humanos são diferentes, então não é recomendado servir a eles o mesmo que comemos. Cada nutriente deve ser ingerido na quantidade adequada para ambos. Se a comida se adequar ao que o organismo do cão precisa, pode servir de prêmio, agrado ou apenas um complemento sem fazer parte da dieta diária do animal, sem substituir a ração", opina.

Marcelo ainda acrescenta que corante, sal em excesso, temperos e conservantes devem ser evitados. Caso sejam ingeridos, podem causar reações como alergias, vômito, problemas na pele ou diarréia. "Se a alimentação é balanceada, ele vai estar nutrido. Então ingerir o que não é indicado pode prejudicar a saúde. Caso seja preciso, o indicado é criar uma alternativa saudável à base de alimentos frescos e que possam inclusive colaborar no controle do peso dos animais, bem como, agir como coadjuvante em tratamentos (a exemplo de alergias alimentares")", explica.

Já a veterinária especializada em alergia alimentar do Hospital Harmonia, Sintia Valadares, afirma que na dieta animal podem ser incluídas comida de panela ou até, em alguns casos, pode ser recomendado que a ingestão exclusiva deste tipo de alimento. "Uma das doenças mais comuns entre os bichos é a hiper-sensibilidade alimentar, que provoca reações adversas pela ingestão ou pelo contato com determinadas proteínas. Sendo assim, podem ser desenvolvidas alergias a carnes, soja, cenoura, entre outros ingredientes. A recomendação então é colocar uma ração específica para cada caso ou administrar comida caseira", diz.

Segundo Sintia, casos de hiper-sensibilidade alimentar representam cerca de 80% dos casos que chegam diariamente em seu consultório. Marie, uma cadela da raça Lhasa Apso, está entre esse número. Há oito meses a cachorra que hoje tem quatro anos, ficou com as pálpebras inchadas ao comer pedaços de carne assada. Seu tutor, o representante comercial Paulo Henrique, de 60 anos, recorreu a diversos veterinários até encontrar o diagnóstico correto. "Em julho ela começou a apresentar esse sintoma e a primeira coisa que fiz foi consultar um veterinário sobre o caso. Fui a vários, mas nenhum acertava. Um aconselhou retirar a pálpebra, já outro afirmou que ela estava com leishmaniose. Foi então que a levei para doutora Sintia e ele realizou o teste que acusou a alergia", conta.

Alérgica a trigo, soja, cenoura e grama, Marie ficou impossibilitada de comer ração, já que em todos os tipos são encontrados alguns desses ingredientes. Além do tratamento que faz com antialérgicos, ela se alimenta com arroz integral, peru, frango e cordeiro, preparados diariamente sem tempero, apenas com água e pouco sal. Apesar da mudança, Paulo afirma que o orçamento diminuiu. "Atualmente gasto cerca de R$38,00 por mês para comprar os novos ingredientes, enquanto gastava na faixa de R$80,00 com a ração que durava 20 dias", compara.

Sobre o consumo deste tipo de alimento Sintia Valadares destaca que as guloseimas e o excesso são os grandes vilões. "O que amedronta é a possibilidade de o tutor dividir tudo aqui que come com seu pet. Isso não é indicado e pode ocasionar obesidade. Agora, se o indicado for administrar esse tipo de alimento é necessário um preparo exclusivo e balanceado, sem componentes nocivos. O indicado é utilizar óleos de soja ou de canela, água e pouco sal, para tornar o alimento saudável e sem risco", aconselha.

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A RAIVA TERÁ MAIS DE 7 MIL PONTOS VOLANTES NO ESTADO DE PERNAMBUCO



Evento acontece neste sábado. Expectativa é que mais de um milhão sejam vacinados
Gatos devem se conduzidos em caixas de transporte ou em sacos de pano ou náilon

Mais de 1 milhão de doses da vacina estarão disponíveis em 7.350 pontos volantes de vacinação em Pernambuco no Dia “D” da Campanha Nacional de Vacinação contra a Raiva Canina e Felina. A iniciativa, que acontece neste sábado (19) em todo o Brasil, poderá ser encontrada em praças e mercados públicos de Pernambuco. A expectativa é que 888.450 cães e 120 mil gatos, todos a partir dos três meses de vida, sejam imunizados. Na Capital Pernambucana, a campanha será lançada nesta sexta-feira  (18), às 8h, na Praça do 15, na Avenida do Forte.

A meta da Prefeitura do Recife é vacinar 230.655 animais, número que representa 80% dos cães e gatos do município. Esse percentual é preconizado pelo Ministério da Saúde. No sábado é dia de levar os animais a um dos 583 postos montados pela Secretaria Executiva de Vigilância à Saúde, 1,8 mil vacinadores vão imunizar os animais, das 8h às 17h. A vacina é gratuita.

Devem ser vacinados com a antirrábica exclusivamente cães e gatos. Os cães de pequeno porte deverão ser conduzidos aos postos de vacinação com coleiras e guias. Já os de grande porte, com os mesmos acessórios e também focinheiras. Os gatos devem ser conduzidos em caixas de transporte ou em sacos de pano ou náilon.
Viral e infecciosa, a raiva é uma doença transmitida por mamíferos, que precisam ser vacinados para que se evite qualquer caso de raiva humana. A enfermidade é uma doença 100% letal, transmissível de animal para animal e de animal para o homem, por meio da saliva. A passagem do vírus se dá no momento da mordida, arranhão e lambedura de qualquer mamífero infectado. Os cães são responsáveis pela maioria dos casos de transmissão da doença para o homem. Animais silvestres, como morcegos, raposas e macacos também podem transmiti-la.
Cabe aos serviços municipais de Saúde o controle da transmissão da doença na zona urbana (na zona rural, a vigilância sobre os animais fica a cargo da Adagro). Como nas áreas urbanas os transmissores são basicamente os animais domésticos, a campanha de vacinação contempla, apenas, as populações canina e felina.
DADOS - O último caso de raiva humana em Pernambuco foi registrado em 2008, no município de Floresta. A transmissão foi por um morcego. Já a raiva canina ou felina vem decrescendo no Estado. Em 2012, foram registrados dois casos (caninas) e, em 2013, não houve, até o momento, nenhum registro.
RECOMENDAÇÕES MÉDICAS – Ao ser agredida por um animal, a pessoa deve lavar imediatamente o ferimento com água e sabão, e procurar com urgência o posto de saúde mais próximo. Cães raivosos apresentam sintomas como: agressividade (atacando pessoas e objetos) ou tristeza (procurando lugares escuros), salivação excessiva, dificuldade para engolir, latido rouco e paralisia das patas traseiras. Nos humanos, a doença ataca o sistema nervoso central, levando à morte.
Vale lembrar que o tratamento profilático antirrábico também é recomendado para toda agressão por espécie silvestre (morcegos, raposa, cachorro do mato e saguis). O soro e a vacina para esse tratamento estão disponibilizados na rede do SUS, gratuitamente.
Fonte:Diário de Pernambuco

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

PASSEIO DIÁRIO É ESSENCIAL PARA CÃES E DOGWALKERS PODEM AJUDAR

A caminhada não deve ser anulada por falta de tempo dos donos. O serviço de dogwalker - ou passeador - é opção para famílias sem disponibilidade.
Adriana Mignot fez um curso de dogwalker e transformou favor a amigos em atividade profissional. Foto: Maria Eduarda Bione/Esp.DP/D.A Press



Passear diariamente é essencial para a manutenção do bem-estar dos cãezinhos. A atividade proporciona equilíbrio físico e acalma o animal, principalmente os que vivem em apartamentos ou casas apertados e fechados. Famílias menores, porém, possuem cada vez menos disponibilidade para a prática nas grandes cidades. Na Europa e Estados Unidos, o hobby de passear com cães se tornou profissão já popularizada, conhecida como "dogwalker". Na Argentina, país vizinho, os "paseadores de perros" são requisitados e regulamentados. Já em terras locais, o hábito aos poucos toma ares mais formalizados e por cidades como São Paulo não é incomum a visão de dogwalkers transitando com seus inúmeros clientes.


A necessidade de movimento é comum aos cães, que precisam de exercício físico para aliviar o estresse (assim menos móveis e peças de roupas aparecem danificados pela casa), melhorar a convivência a partir da sociabilização e evitar a obesidade e outros problemas de saúde. A caminhada é um tipo de atividade recomendada a cachorros saudáveis de todas as idades e portes, com ritmo e tempo designado pelas particularidades de casa um. "O passeio é importante para a saúde física e mental do animal", explica a médica veterinária Paola Maciel Martins, da clínica Bicho Mimado. "Cada vez mais as pessoas moram em apartamentos e casa pequenas, trabalham muito e passam o dia inteiro fora. Deixar o animal sozinho e sem exercícios físicos causa estresse e desvios de conduta, como destruição de móveis. Os passeios também ajudam a manter um vínculo afetivo com o dono".



Os sintomas de estresse se manifestam de formas variadas, por isso é importante dar atenção ao comportamento do animal. "O animal pode ficar hiperativo ou completamente apático. Ele de repente pode apresentar aquele latido constante, ficar mordendo e roendo móveis e peças de roupa, mas pode também começar a urinar e defecar em locais que não costuma, ficar quieto e debilitado". Para evitar o comportamento, os passeios diários são essenciais. A veterinária Paola recomenda que elas sejam realizadas antes das 10 da manhã e após às 16h. "O sol também afeta os cães". Se o dia estiver muito quente, os cuidados devem ser redobrados, com procura de áreas com sombra, além de hidratação e pausas periódicas. A vacinação também é importante para evitar verminoses e doenças causadas pelo contato com o ambiente externo e ouros animais.



A veterinária Paola explica que o passeio é essencial, e cita o serviço dos dogwalkers como uma boa opção para famílias que não possuem disponibilidade para se exercitar com o cão. "Essa prática já está presente em algumas grandes cidades brasileiras, como São Paulo, Curitiba e no Rio de Janeiro. Lá existem empresas especializadas nisso, o que facilita a contratação e a rotina de muita gente". Apesar do passeio não ser praticado com o dono, os resultados são geralmente positivos. "O profissional não apenas leva o cachorro para dar uma volta, ele antes conhece o dono e o cachorro, os hábitos e faz uma avaliação". Paola diz que os passeios podem ser realizados apenas com um cachorro ou com um grupo maior, desde que os animais tenham porte e comportamento parecido. "É preciso também prestar atenção quanto ao condicionamento do animal, começar devagar com passeios mais curtos para aqueles que não estão acostumados com o hábito".



No Recife, a falta de tempo para a prática de exercícios físicos com o animal doméstico já leva algumas pessoas a recorrem a amigos e conhecidos. Foi assim que Adriana Mignot começou a descobrir a ocupação de passeadora. "Gosto muito de cães e tinha vontade de trabalhar com animais. Passeava com o cachorro de amigos e familiares sempre que podia, sem cobrar nada. Foi a sugestão de uma amiga veterinária que me fez pensar em ser dogwalker. Fiz curso de auxiliar de veterinária para aprender mais sobre a área médica e depois fui para São Paulo para um curso específico de dogwalker". O curso consiste em palestras e aulas práticas sobre cidadania, higiene, cuidados médicos básicos e sociabilização. 

Segundo ela, ainda não existem cursos semelhantes em Pernambuco, por isso a ida a outro estado. Mesmo sem cursos, o trabalho é realizado de forma informal pelo Recife. "O curso é como uma referência de que você vai saber tratar aquele animal direito, mas existem passeadores que não se especializaram". Adriana afirma que tem os mesmos cuidados com animais de outras pessoas com os que possui com seu próprio cãozinho, Takka, de 7 anos. "O tratamento é o mesmo. Costumo passear com a Takka todos os dias. Se por acaso não posso passear, já percebo que não faz bem a Takka, que fica olhando pela janela, ansiosa pra sair um pouco de casa". Ela explica que pretende atender em várias partes da cidade e o que o valor e o tempo de cada passeio são discutidos com o dono. "Uma dificuldade que tem no Recife é que não é permitido o passeio com cachorros em parques como a Jaqueira, por exemplo. Por isso as caminhadas são realizadas em praças e calçadas, mas sempre com cuidado com a higiene e saúde dos cães".

Serviço:
Dogwalker Adriana Mignot

Contato: 9904-3599


segunda-feira, 14 de outubro de 2013

'"CADÊ AS ARMAS"? UM COMENTÁRIO DE JALON CABRAL


CADÊ AS ARMAS ?

Bastante válida a campanha do desarmamento que continua sendo realizada em todo o país. Armas dos mais variados modelos, tamanhos e dos mais diferenciados calibres, entre estas rifles, espingardas, revólveres, pistolas, etc. vem sendo devolvidas por cidadãos de bem que em troca recebem uma indenização em dinheiro que varia entre 50 e 300 reais. Muito bem. Mas o que preocupa mesmo, pelo menos a mim cidadão desarmado, é o destino que essas armas estão tomando, já que nenhuma divulgação vem sendo feita pelos responsáveis. Estariam essas armas sendo entregues aos órgãos competentes, tais como Exército, Policia Militar, Governo do Estado, Justiça etc. ou essas armas estão sendo guardadas em locais vulneráveis onde bandidos podem ter acesso livremente ? É evidente que atualmente em Alagoas, particularmente em Maceió, todo e qualquer bandido é preso com arma em punho ou na cintura, porem a policia não tem conhecimento como essa arma foi parar nas mãos do marginal. O povo alagoano do bem, o cidadão que anda desarmado, quer saber para onde estão indo essas armas que são devolvidas a troco de algum dinheiro. Será que essas armas estão sendo devolvidas aos bandidos ? Alguém tem que informar.

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

ÓTIMA NOTÍCIA: APROVADO POR UNANIMIDADE PROJETO DE LEI QUE PROÍBE A CIRCULAÇÃO DE VEÍCULOS DE TRAÇÃO ANIMAL

Se for flagrada, a pessoa poderá terá o animal recolhido. Em caso de reincidência, a multa será de R$ 500,00


Foi aprovado, por unanimidade, o projeto de lei 30/2013, que proíbe a circulação de veículos de tração animal (equinos, muares, asininas e bovinas), o trânsito montado, além de eventos de vaquejada no Recife. A votação aconteceu na tarde desta terça-feira (08), com 34 vereadores presentes na sessão na Câmara do Recife. Agora o documento segue para sanção do prefeito Geraldo Júlio, que tem quinze dias para aprovar e publicar no Diário Oficial a lei que ele mesmo sugeriu. 

Apesar de ser considerado um avanço, o projeto também tem sido alvo de críticas de protetores de animais. Há os que temem que essa seja mais uma lei a não ser cumprida. Outros ressaltam que a mobilidade urbana é mais valorizada no documento que o bem estar do animal. A previsão é que a lei somente começará a ser cumprida em março do ano que vem, pois, além do prazo de quinze dias para o prefeito sancionar, há 120 dias, a partir da publicação, para ela ser posta em prática. 

Com a lei, também fica proibida a permanência e a circulação das espécies soltas ou atadas por cordas, mesmo que acompanhadas dos donos. A maior novidade acrescentada ao projeto original é a locação, por parte da Prefeitura do Recife, através de licitação, de um espaço em área rural, fora da capital, para encaminhar os animais apreendidos. No lugar, os bichos seriam tratados e colocados à disposição para adoção. No projeto original, os cavalos e outras espécies seriam levados para o Centro de Vigilância Animal.

Flagrada pela primeira vez em desobediência à lei, a pessoa tem o animal recolhido e somente pode reavê-lo após assinatura de um termo de responsabiliade. Em caso de reincidência, a multa  será de R$ 500. 

Apesar do avanço quanto ao espaço em área rural, uma outra reivindicação dos movimentos de defesa dos animais, o cavalo lata, ficou de fora do projeto.

Fonte: Diário de Pernambuco

terça-feira, 8 de outubro de 2013

NOVO COMENTÁRIO DE JALON CABRAL: "O MENOR É O MAIOR"


O MENOR É O MAIOR

A lei brasileira com seus parágrafos e incisos retrógrados proíbe o menor de trabalhar, mesmo que seja auxiliando seus pais no dia a dia. O famoso "de menor", entretanto, pode assaltar, arrombar, sequestrar e até matar, pois nada vai lhe acontecer. Quando presos não são presos, são apreendidos e os crimes por eles praticados não são crimes são infrações já que eles são legalmente taxados de menor infrator. A imprensa na divulgação dos fatos não pode falar o nome e nem mostrar a cara desses maloqueiros. A policia nada pode fazer, uma vez que a pálida legislação brasileira, através do Estatuto da Criança e do Adolescente, protege esses canalhas que vivem nas ruas levando pânico à população. Os babacas que poderiam sugerir mudanças na legislação pátria só se preocupam com eleições e votos e nada fazem. Está na hora de mudar. Do contrário, crimes a parte, vamos sentar e aplaudir o menor, pois ele na verdade é quem manda, é o maior !

quinta-feira, 3 de outubro de 2013

BATISTA FILHO E SEU COMENTÁRIO

  
Meu amigo Batista Filho, ex-companheiro de rádio, vez por outra nos envia mensagens através de e-mails, soltando o verbo e dizendo algumas verdades.  Uma delas é esta que transcrevo abaixo, para conhecimento dos amigos que acessam o  meu blog. Batista atualmente está na Rádio Gazeta AM, comandando um programa jornalístico que vai ao ar a partir das 5 horas da matina. Com a palavra, o grande comunicador Batista Filho:


LÁ VEM O SOL !                                   
O  nascimento do sol é um milagre que acontece todos os dias e nós nem nos damos conta disso.  Eu tive a felicidade de viver boa parte da minha adolescência e juventude, vendo esse milagre da janela dos ônibus das bandas de baile onde cantava.  Por entre as serras, montanhas... sobre o mar, infalivelmente  ele vem  imponente iluminando a escuridão. E nós não nos damos conta de que essa é mais uma obra majestosa de Deus. Crescemos indo dormir a noite e acordando pela manhã, já com sol a pino.  Portanto, nenhuma intimidade com o nascer do sol.   Você não imagina como é bonito esse parto diário. O aparecimento dos primeiros raios, a escuridão se entregando a luz. E eu imaginando o que o criador dessa maravilha estaria pensando naquele momento.  Se fosse eu, o Deus, acho que estaria todo orgulhoso, feliz em ter criado a luz, inventado a vida. Mas, por outro lado, talvez estivesse “triste, por ninguém perceber a importância das minhas invenções !   Meu mar só é notado em sua grandiosidade, quando acontece um tsunami; minhas estrelas foram esquecidas pelos enamorados dos dias atuais;  as chuvas que envio para diminuir o calor, assim como o mar, só são percebidas quando provocam  inundações; minhas flores então, essas agora só servem para enfeitar cadáveres. Perderam o encanto para decorar jardins e servir de presente; isso porque não quero falar das florestas que criei. Veja quantas ainda estão intactas! Quase nenhuma ! Ninguém percebe que eu as criei para filtrar o oxigênio que move a vida;  as montanhas que provocam em todos,  a doce sensação de paz e tranqüilidade, (foi numa delas que meu filho amado realizou o famoso sermão) nem são notadas...enfim, vou ficar por aqui com minhas queixas, por que está chegando a noite. Essa eu criei para provocar o sono dos justos e da maioria dos trabalhadores do mundo.  Mundo que aliás, a humanidade está destruindo com guerras, desmatamentos, descarte inadequado de lixo, poluição...desculpe-me, eu tinha dito que iria parar de me queixar. Mas, como, se tudo que criei foi com a melhor das intenções e você não percebeu ? “ -    É, meu amigo, esse artigo começou falando sobre o nascer do sol e vai terminar assim também,  afinal,  com minha ida para abrir a programação da rádio Gazeta  eu o vejo nascer todos os dias. Acorde mais cedo amanhã e por volta das quatro horas e quarenta minutos, acompanhe comigo de onde estiver, essa  verdadeira obra de arte do maior de todos os inventores:  DEUS ! – Até a próxima ! DEUS SEJA LOUVADO !