quarta-feira, 27 de março de 2013

COMO AGUENTAR OS NOVOS "CANTORES" DE HOJE?

Tem gente muito pior, que já deveria ter desistido



Gusttavo Lima: “Talvez esse seja um dos últimos shows, eu já não aguento mais”
Cantor surpreendeu o público em apresentação no interior de São Paulo nessa sexta-feira (22) com desabafo e insinua que pode abandonar a carreira em breve.
Por iG
Gusttavo Lima usou o palco do Iperó Fest, no interior de São Paulo, nessa sexta-feira (22) para desabafar. O cantor deixou a entender que poderá encerrar sua carreira musical em breve. “Tem uma coisa que vou falar para vocês hoje que nunca falei para ninguém. Estou pensando seriamente, talvez esse seja um dos últimos shows que vou fazer na minha vida. Eu já não aguento mais, eu já não suporto mais. Tudo que vivi na música sertaneja, agradeço a vocês, fãs de verdade, fãs de coração”, disse ele.



Antes do desabafo, Gusttavo, que aos 23 anos está em uma das melhores fases de sua carreira com indicação ao prêmio de melhor cantor do mundo pelo “World Music Award”, agradeceu o carinho de seus tietes. “Vocês podem ter certeza que o sonho de qualquer artista é ter fãs iguais a vocês. Estou muito feliz hoje. São 14 anos de carreira, 14 anos de luta. Desses 14, 10 foram cantando em barzinho, foram anos maravilhosos.”

Procurada pelo iG , a assessoria de imprensa do cantor não quis se pronunciar sobre as declarações dele e avisou que um comunicado oficial será enviado aos jornalistas ainda nesta segunda-feira (25).


Esta não é a primeira vez que Gusttavo mostra sua insatisfação com o mercado musical. Em seu Twitter, ele escreveu há algum tempo: “Pra fazer sucesso hoje na música sertaneja só é preciso saber rebolar? É isso mesmo produção???”

Nota do Blog: É isso mesmo, Gusttavo. Pra fazer sucesso hoje basta colocar algumas mulheres semi-nuas nos palcos e mandar rebolar. A turma presta mais atenção nas mulheres do que nos cantores ou duplas. E tem cantores e bandas  espalhados por aí muito, mais muito  piores que o Gusttavo Lima,  que já deveriam ter desistido de cantar...eu disse “cantar”(?)

ÚLTIMA INFORMAÇÃO:
Ao publicar a postagem de hoje, me deparei com esta notícia na internet:


CorreioWeb
Publicação: 26/03/2013 18:29 Atualização: 26/03/2013 18:35
Depois de desabafar em show  que poderia parar de cantar, o sertanejo Gusttavo Lima resolveu acalmar os fãs. Ele publicou em seu perfil na rede social Facebook uma declaração negando que vá largar a carreira de cantor. "Se eu cheguei até aqui não vai ser agora que eu vou desistir, o sonho não pode acabar... Aos meus fãs, jamais vou deixar vocês e aos que não gostam do Gusttavo Lima, ééé vão ter que me aturar por muitos e muitos anos kkkk...", escreveu.


Apesar do comunicado, Gusttavo Lima não fez nenhuma declaração sobre o que teria causado o desabafo que fez durante um show em Iperó, no interior de São Paulo. Durante a apresentação, o músico disse que talvez aquele fosse um dos últimos shows  de sua vida e que não aguentava mais. 

terça-feira, 26 de março de 2013

NOTÍCIA MELHOR QUE ESTA SÓ A QUE ANUNCIA O FINAL DO BIG BOSTA BRASIL PRA HOJE


Lembra do "Lalau"?
Justiça Federal cassa prisão domiciliar do ex-juiz Nicolau
O TRF (Tribunal Regional Federal) da 3ª região cassou nesta segunda-feira a decisão que mantinha o ex-juiz Nicolau dos Santos Neto, de 84 anos, em prisão domiciliar e determinou a sua volta imediata ao cárcere.
Santos Neto está em prisão domiciliar desde 2007, após decisão de um juiz da vara de execução penal. Segundo entendeu a quinta turma do TRF3, porém, o juiz não tem competência para proferir a determinação. Ainda cabe recurso por parte da defesa do ex-juiz.
O juiz federal Luis Stefanini, relator do caso, argumenta que o fato de Santos Neto ter mais de 80 anos não é razão suficiente para a prisão domiciliar. O tratamento médico que ele diz fazer poderia ser feito na prisão, ainda segundo Stefanini.
"Dou provimento ao recurso ministerial, a fim de revogar a prisão domiciliar deferida e determinar a imediata transferência do recorrido ao cárcere, desde que com condições adequadas a sua peculiar situação pessoal (pessoa com mais de oitenta anos de idade), ou, quando não, a hospital penitenciário que possibilite adequado tratamento de saúde", afirmou Stefanini em seu voto sobre o caso.
A decisão do TRF sustenta que só podem gozar do direito da prisão domiciliar aqueles que foram beneficiados pelo regime prisional aberto, o que não é o caso de Santos Neto.
O ex-juiz foi condenado a prisão em maio de 2006 pelos crimes de peculato, estelionato e corrupção passiva.
A Justiça concluiu que ele foi o principal responsável pelo desvio de R$ 169,5 milhões durante a construção do Fórum trabalhista em São Paulo.
O advogado Assis Pereira afirma que o próprio laudo faz ressalvas à idade e alerta que há risco de a depressão de Nicolau aumentar com "mudanças drásticas". Ele afirma que o ex-juiz tem pressão alta, depressão e dificuldades de locomoção. "A carceragem da PF não tem como atender alguém nesse estado".

domingo, 24 de março de 2013

HOJE REGISTRO MAIS QUATRO ANIVERSÁRIOS NESTE MÊS DE MARÇO



Ester, a aniversariante, num momento de descontração
A primeira aniversariante deste domingo, dia 26, é a minha cunhada Ester Barbosa, irmã da Zilma, que agora está residindo na Ilha de Itamaracá. Ester morou com a sua família durante muitos anos em Belém do Pará, mas este ano resolveu realizar o sonho do seu marido Willams e transferiu residência para a sua casa na Ilha, onde pretende curtir o sol e a praia, pois tem o privilégio de morar à beira mar. Hoje, durante todo o dia de domingo,  Ester deverá estar recebendo abraços de parabéns dos seus parentes e amigos além de telefonemas de pessoas mais distantes, como seu filho Rosendo que ficou em Belém com a família, além de cunhadas, sobrinhas, netas e netos. Ester, receba o abraço de parabéns da sua irmã Zilma, deste seu cunhado, do David, Diego e Bruna, com votos de felicidades e muita paz e que posamos estar comemorando esta data ainda por muitos anos.


Michely, nossa afilhada, com seu love Jair
A outra aniversariante do dia é Michely, nossa afilhada, esta residente no Conjunto Beira Mar onde, junto ao seu esposo Jair e seus filhos Pablo e Giovanna, receberá abraços de parabéns, além da visita dos seus demais parentes e amigos, que são muitos. Michely, o abração e um grande beijo da sua madrinha Zilma, do seu padrinho Rômulo e dos seus primos David, Diego e Bruna e que você seja feliz, com muita paz e amor juntamente com essa sua bela família. Deus te abençoe.

Nikele, soprou 14 velinhas no dia 18.3
O terceiro aniversário já foi comemorado no último dia 18. É da Nikele Besen (Nika), cunhada do nosso filho David, que está residindo há alguns anos em Santa Catarina, junto à sua querida Chai. Nikele, mesmo atrazado receba nossos votos de parabéns pela data e que outras iguais a esta possam ser comemoradas ainda por muitos anos. Um beijão.


                                                   Yugi, de idade nova hoje

Sem esquecer o aniversário também hoje, dia 24, do Yugi, filho da Chay, esposa do David que moram em Jaraguá do Sul - SC. Yugi estará recebendo parabéns dos manos, da mamãe Chai e do papai David Uchôa, bem como dos seus amiguinhos. Parabéns, Yugi e que seja muito feliz junto à sua família, são os nossos votos. 

sexta-feira, 22 de março de 2013

PENA DE MORTE OU PRISÃO PERPÉTUA?



A MATÉRIA ABAIXO FOI ESCRITA PELO JORNALISTA ROBERTO VILLANOVA  E PUBLICADA HOJE NA GAZETA DE ALAGOAS:

 

Pena de morte ou prisão perpétua? Quem é favorável?

 

Por Roberto Villanova (Blog do Bob)

“Enquanto no Brasil não vigorar a pena verdadeira exemplar para punir criminosos, não se fará justiça jamais.
No Brasil não há condenação por crime e sim penalidade. Um ser humano, se é que se pode chamá-lo assim, que comete atrocidades; que mata por prazer; que sevicia a vítima antes de eliminá-la é no máximo penalizado com 1 terço da condenação – logo, não foi condenado e sim penalizado.
Exemplo: uma condenação de 30 anos resulta na prática numa penalidade de 8 anos. A lei favorece o criminoso e não podemos esquecer que a lei garante que todo o brasileiro tem o direito de matar um. Só um.
Não conheço se tal lei vigora em outros países, mas acho difícil. Nos Estado Unidos, um bandidinho jovem foi condenado à prisão perpétua; se fosse no Brasil o máximo de tempo que ficaria na prisão seria 8 anos.
Dir-se-á que a pena de morte, a prisão perpetua ou medidas punitivas duras não acabam com o crime. Claro; ninguém de sã consciência pode esperar que o crime seja banido completamente, porque isto é impossível.
Mas a certeza de que o bandido vai morrer no paredão ou na cadeia conforta a família da vítima e aproxima mais da verdadeira justiça – que começou na “Lei de Talião” e foi aperfeiçoada, mas em alguns casos, como no Brasil, para pior.
Além da demora no julgamento, tem a condenação que não condena. E assim, a sensação de que o crime vale à pena é a lógica que move os bandidos.”
 

MUITO BOM ESSE ARTIGO DO BOB...EU SOU A FAVOR DAS DUAS...E VOCÊ?

    UM EXCELENTE FINAL DE SEMANA PARA TODOS

quarta-feira, 20 de março de 2013

ANIMAIS DE VÁRIAS ESPÉCIES PODEM CONVIVER EM HARMONIA





Família da professora Simone Barros convive com vários animais de espécies diferentes sem grandes problemas. Foto: Maria Eduarda Boine/Esp.DP/D.A Press

Seja no mundo humano ou no mundo animal, a convivência é um dos grandes problemas quando de juntam em um mesmo espaço temperamento, características e necessidades distintas. Mas há quem encare o desafio de criar espécies diferentes dentro de casa e viver em plena harmonia. É o que garante a professora Simone Barros que mora com o marido e dois filhos em um apartamento onde também convivem dois cachorros, quatro hamsters, uma coelha, duas tartarugas e vários peixes.
Simone conta que a variedade de animais nunca foi um empecilho para a harmonia da casa. "Meus dois filhos são apaixonados por bichos e, por isso, eu e meu marido resolvemos abraçar a ideia de ter tantos animais em nossa casa", revela. Segundo ela, na chegada de um novo "morador", pode haver a troca de arranhões e rosnados, além de algumas ´trelas´ para chamar a atenção do dono, mas com tranquilidade tudo se resolve. "Nunca tive nenhum grande problema. São todos bem tranquilos", garante.                                                                                   

Mas nem sempre a convivência entre espécies diferentes é tão harmoniosa quanto na casa da professora Simone. Por isso, o veterinário Kennedy de Araújo diz que a melhor maneira de garantir uma boa convivência entre os animais é fazer a socialização quando eles ainda são filhotes. Após esse período, o relacionamento é mais difícil, mas não impossível. "Quando educados desde  filhotes há um respeito e uma harmonia maior entre eles", explica.
Simone dá algumas dicas valiosas para manter o equilíbrio. “Tento manter cada um em seu local próprio. Não posso deixar os hamsters soltos, por exemplo, mas a coelhinha fica solta tranquilamente junto com meus cães”, diz. O veterinário Kennedy de Araújo alerta que o espaço dedicado aos animais deve ser o mais amplo possível. Paciência também ajuda."Pode ser que eles não se entendam logo no primeiro encontro. Mas com o tempo e com o espaço para cada um, logo haverá um ambiente agradável para todos eles", garante.

Fonte:  Polyanna Vieira - Diário de Pernambuco