sábado, 11 de agosto de 2012

CADELA CHAMA ATENÇÃO POR NÃO DEIXAR HOSPITAL ONDE DONO ESTÁ INTERNADO

O amor de Nina por seu dono
A "preocupação" de uma cadela com o dono que está internado no Hospital Irmã Dulce, no bairro de Roma, em Salvador, comove médicos, funcionários e pacientes. A cadela Nina escolheu uma calçada em frente à unidade de saúde para morar. “Ela fica aqui todos os dias. Como uma cadela bem educada, ela não entra no hospital”, diz o funcionário Marco Antônio. Nina não fez essa escolha por acaso. Dentro do hospital, no Centro de Acolhimento e Tratamento de Alcoolista, está internado o reciclador Renato Mário Santos, dono do animal. Quem frequenta o lugar diariamente atesta que quando Renato aparece, a cadela fica ansiosa e feliz. “Carinho, atenção, saudade e emoção é o que ela tem por mim. Estamos juntos há dois anos”, diz Renato. Ele explica que Nina sempre o acompanha no trabalho de reciclagem e fica o dia inteiro com ele. “Ela [cadela] indica até onde está a reciclagem. É proteção também, onde eu estiver ela não deixa ninguém chegar perto de mim, não deixa mexer nas minhas coisas, na reciclagem. Ela ataca qualquer um se colocar a mão em mim”, garante. O funcionário que acompanha diariamente a fidelidade da cadela ao reciclador, mostra-se comovido com a situação inusitada. “Mostra a real situação de amizade verdadeira. Como dizem as pessoas: mais vale um cachorro amigo do que um amigo cachorro”, afirma Marco Antônio.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário